Destaque

Agradecimentos e aviso sobre as novel

Para os aventureiros que estão gostando das novel originais, tem meus sinceros agradecimento! Se tiverem dúvidas ou criticas sobre qualquer uma das novel peço que comentem nesse post. Os capítulos são postados de forma aleatória não tendo um dia certo para as postagens. Para os escritores que desejam postar seus trabalhos no site, por favor … Continue lendo Agradecimentos e aviso sobre as novel

Anúncios

GartenGüt (O jardim dos deuses) – capítulo reescrito.

Capítulo I – Da Sorim'Hem der Dorf'Varbenênt (N.A: O jovem mestre da vila Varbenênt)! IV – O jovem fantasma! Nas margens enlameadas de um formoso lago, crianças brandindo espadas de madeira gritavam eufóricas, ao lutar com um idêntico companheiro sujo de lama e grama. – argh! – Ahhhhh! – Roah! As crianças brigavam e se … Continue lendo GartenGüt (O jardim dos deuses) – capítulo reescrito.

GartenGüt (o jardim dos deuses)!

Nota do autor: Capítulo reescrito com o objetivo de corrigir alguns furos. As mudanças fundamentais dessa versão são: a quantidade de deuses apresentados em seu palácio e algumas informações iniciais sobre FünderBae. Prólogo! (reescrito) Um corpo que cai! I – O que os relâmpagos nos trazem! Numa rara noite chuvosa nas tortuosas planícies dos Varbenênts, uma … Continue lendo GartenGüt (o jardim dos deuses)!

The Draconian Times – Capítulo 1 (Reescrito)

Magusgod: Pessoal, estou postando o primeiro capítulo da novel The Draconian Times do autor Marco Antonio, é seu primeiro trabalho, por favor deixem comentário sobre o que acharam do primeiro capítulo. Postarei os três capítulos, se a história vai fazer parte de nosso panteão de mundos, vai depender de vocês leitores. (N.A: Deixei essa mensagem … Continue lendo The Draconian Times – Capítulo 1 (Reescrito)

GartenGüt (O Jardim Dos Deuses)!

XXXVIII – Ayuul: 2. Kafli (N.A: Perigo, capítulo 2)! XXIV — Batalhas cruzadas (primeira parte)! E ali, August rolava entre as brechas, procurando uma forma de contra-atacar aquele cujo, em frenesi, inflamava. Sua espada fazia arcos e sua mão atacava milhares de vezes naquele pelo, encharcando ambos com o mesmo sangue. Porém, os buracos, que … Continue lendo GartenGüt (O Jardim Dos Deuses)!