Nefoedd (Reescrito): Capítulo 15

O Poder de Um Deus da Guerra!

 

 

>>>>> 1 <<<<<

 

 

A cria profana disparou um poderoso raio de energia caótica contra a indefesa demonesa e seu exército. Impotente, ela não poderia fazer nada além de fazer suas últimas preces. Mas, naquele momento de desespero, quando tudo parecia perdido. Um feixe de luz dourada cruzou os céus, como uma estrela cadente, pousando como um deus onipotente ao seu lado.

Em questão de segundos viu o estranho mudar a luxuosa roupa que vestia para uma gloriosa armadura dourada brilhando com as chamas da glória e da justiça. Seu elmo dourado com uma crista de espigões dourado, imitando os raios de luz solar, emitindo luz própria. Uma luz que feria seus olhos e fazia sua pele formigar. Uma luz nociva para vampiros comuns – luz solar que continha energia divina.

Ele a pegou em seus braços, carregando-a como uma princesa, e com o braço livre materializou um gigantesco escudo prateado envolto por pesadas correntes gravados com runas mágicas. As bordas do escudo era de ouro cravejado com seis gemas azuladas, e o centro do escudo era na forma da cabeça de um lobo feroz.

Aquele escudo era uma arma classe lendário:「Shield of the God Wolf Fenrir」. Um poderoso escudo da série Set「Armor of the God Wolf Fenrir」, cujo set é uma das melhores armaduras defensivas antimagicas de todo jogo.

O raio de energia caótica seguiu em frente, criando uma ravina por onde passava, quando estava chegando perto dele e da demonesa, soltou um poderoso gritou ativando habilidade especial do escudo.

― Special Skill:「Dissipate Greater Magic」!

(Magusgod: Dissipate Greater Magic significa dissipar magia maior.)

Ao ativar habilidade especial do escudo. A primeira das seis gemas perdeu o brilho, as correntes ao redor do escudo estremeceram e a cabeça de lobo prateado como tivesse ganhando vida, abriu a boca com seus dentes ferozes. Soltou um uivo ensurdecedor, criando uma poderosa onda sonora que reverberou por toda planície, dissipando qualquer magia em um raio de cinco quilômetros.

Todos aqueles que ouviram o uivado infernal do lobo, tiveram as almas e mente sacudidos, sendo atordoados por um breve momento. A cria profana não foi exceção e o poderoso disparo de energia caótico foi completamente suprimido pela habilidade especial do escudo.

Mesmo o portal que estava sendo mantido pelo Comandante-Cavaleiro Frenz foi dissipado.

A Demonesa não pode evitar de arregalar os olhos, vendo a maneira dominadora que ele havia suprimido o ataque feroz da cria profana.

Pode ser que ele seja o Deus da Guerra mencionado por Frenz? Pensou ela tentando ver o rosto escondido pelo elmo dourado com placas faciais esculpido na forma do rosto de um homem barbado. Pela brecha da viseira conseguiu ver um par de olhos azul-escuro, brilhando com um grande poder.

Após dissipar o ataque feroz da cria profana, Freyr levantou a viseira do elmo pertencente ao Set de armadura que estava usando no momento:「Armor of Divine Sun Paragon」. Um item também classe lendário pertencente a série de armaduras os Sete Paragons Divinos.

Seu olhar caiu sobre a bela demonesa de olhos vermelhos-sangue e cabelos branco como pura neve. Freyr havia chegado no mesmo instante que ela começou sua luta contra a cria profana. Pensou em intervir, mas ao ver sua beleza estonteante e a bravura de seus atos, decidiu não interferir na luta. Ficou observando sua luta desesperada para proteger seus homens. Cada movimento, cada magia lançada, de forma elegante igual a dança de uma fada do gelo. Aquela mulher poderosa, destemida, e fria, havia conquistado o coração de Freyr.

Com todas aquelas belas mulheres ao meu lado, pensou ele com ironia. Fui me apaixonar logo por alguém que carrega o título de “Princesa Açougueira de Nurs”. Mas não há muito que fazer, ela tem uma beleza sobrenatural e um charme arrebatador.

― Você causou uma bela confusão em meu território ― disse Freyr olhando nos olhos da Demonesa. ― Não podia esperar menos de alguém que carrega o título de “Princesa Açougueira de Nurs”.

Silvya recuperou-se rapidamente de sua confusão inicial, com uma expressão fria, falou:

― Presumo que seja aquele qual chamam Deus da Guerra ― disse ela num tom bem articulado, enrolando os charmosos lábios vermelhos em um sorriso frio. ― Devo disser que estou muito surpresa, pelo invasor de minhas terras, salvar minha vida e de meus homens. Posso saber por qual razão?

― Acredito que seja uma mulher sábia e com um grande conhecimento sobre esse mundo ― respondeu pausadamente. ― Veja esse fator como uma das razões por te salvado você… Como devo chamar a distinta dama?

― Sou a Senhora demônio, Silvyaluna Melankoli Demir Varriel ― respondeu de forma altiva. ― E, também princesa do Clã da Noite Imortal. Meu caro, você disse que meu conhecimento é uma das razões por me salvar. Qual seria a outra razão?

Freyr desenhou um largo sorriso ao responder:

― Por que é a mulher mais bela, inteligente, destemida que já vi no mundo.

A Demonesa Silvyaluna foi pega de surpresa. Não sabendo como responder ficou em silêncio.

― De toda forma, a partir de agora você é minha convidada de honra para Godheim. Temos muito que discutir, mas antes devo me livrar desse monstro desagradável. Fique parada em meus braços, prometo que não vai levar muito tempo!

Freyr analisou a cria profana que ainda estava atordoado. No pode deixar de sentir um pouco de raiva pela devastação que a criatura causou em seu território.

Cria Profana Nível 70, pensou Freyr analisando o monstro com Habilidade「Visão de Heimdall V」. Agora entendo como esse monstro recebeu todas aquelas magias poderosas e não sofreu muito dano. É um monstro quase imune a magia, com exceção de ataques baseados atributo sagrado.

Para Freyr que possui a classe Deus da Guerra, todos seus ataques e magias carregam o atributo divino – atributo nocivo as criaturas malignas. Então, para a cria profana, Freyr é o pior inimigo possível.

― O efeito do atordoamento já deve estar passando… Vamos imobilizá-lo… ― Sem utilizar sua energia, ativou a segunda habilidade especial do escudo. ― Special Skill:「Sacred Chains Gleipnir」!

Ao ativar habilidade especial do escudo. Segunda das seis gemas perdeu seu brilho, as correntes ao redor do escudo desapareceram e a cabeça de lobo prateado uivou novamente. Ao redor da cria profana surgiu, na terra e no meio do ar, círculos sagrados antigos disparando corrente prateadas com a cabeça de lobos ferozes, mordendo a cria profana e a imobilizando com correntes sagradas.

O monstro tentou lutar e libertar-se das correntes, contudo, apenas conseguiu sofrer mais danos, recebendo descargas elétricas contendo poder sagrado.

― Que tipo de magia sagrada é essa? ― perguntou a Demonesa, surpresa.

― É uma das habilidades especiais desse escudo ― respondeu vagamente. ― Sacred Chains Gleipnir tem a capacidade de prender um inimigo por um minuto. Não é muito útil contra jogadores… Quero dizer, inimigos, baseados em força. Mas é muito eficaz contra seres baseados em magia e de natureza demoníacas.

A Demonesa fixou seus olhos vermelhos no poderoso escudo. Mesmo com suas habilidades de análise, qual se orgulhava não haver igual, era incapaz ver a verdadeira natureza do escudo. Era incapaz de identificar até mesmo o material utilizado em sua fabricação. E saber que havia algo que seus olhos eram incapazes de ver através, abalou sua confiança em suas próprias capacidades.

Não consigo ver analisar sua armadura, pensou a Demonesa. Mas posso sentir a profunda e tirânica aura mágica que emana… Não só suas armas, mas seu corpo em si é como uma tempestade comprimida de mana… Fui tola! Muito tola! Eu estava desejando enfrentar um ser cujo poder é maior do que tudo que já conheci… Ele é como se fosse a encarnação de uma calamidade!

Ela viveu por incontáveis eras. Assistiu o nascimento de heróis e senhores demônios com poderes que iam além da sua compreensão. Contudo não havia visto nada igual ao invasor que segurava em seus braços.

Para a Demonesa Freyr era uma existência única. Misteriosa. E sem dúvidas nenhuma, poderosa.

Quando estava imersa em seus pensamentos. A cria profana atacou Freyr, por mais que estivesse imobilizado pelas correntes sagradas de Gleipnir, as milhares de mãos com bocas diabólicas estavam livres e atacava freneticamente.

Freyr saltou para trás, movendo-se como uma velocidade que não poderia se acompanhado por olhos humanos deixando pós-imagens para trás, evitando os milhares de mãos que atacavam ao mesmo tempo. Com um pensamento armazenou o escudo em seu inventário. E materializou uma clava carmesim com três metros de comprimento adornado de espigões e emblemas sagrados que moviam-se ao longo da arma.

A poderosa clava exalava um ar sufocante de violência e selvageria.

Esse era também uma arma Classe Lendário:「Club Bloody Héracles」.Uma das armas tipo clava que mais gerava dano físico do jogo.

Freyr parou de apenas esquivar e contra atacou com um poderoso golpe da clava sanguinária. Devido ao seu alto status de força e outras habilidades passivas que geravam aumento de dano e outros efeitos, aquele ataque de clava criou um vendaval feroz acompanhado por uma pressão esmagadora.

O golpe acertou uma das mãos da cria profana, desintegrando-se com o contado, atingindo diretamente o solo. O impacto sacudiu a terra violentamente, como se fosse atingido por um meteoro, acompanhada pelo som ensurdecedor de trovão. Rachadura em forma de teia de aranha surgiu no solo e afundou, levantando uma coluna de poeira com vários quilômetros de altura.

No lugar do impacto, surgiu uma cratera com 500 metros de diâmetro com Freyr no meio – segurando a Demonesa em seus braços.

O resultado de um único ataque não era diferente da explosão de uma bomba.

Impossível…, pensou a demonesa incrédula. Sua mente não conseguia aceitar o que tinha acabado de acontecer. O que é ele?

Freyr franziu a testa com o resultado.

― Parece que mesmo usando 30% da minha força pode causar tal resultado… Preciso aprender controlar melhor minha força…

A Demonesa que ouviu Freyr balbuciando não pode deixar de arregalar os olhos de temor. Se fosse verdade que ele com um único braço havia usado apenas 30% de sua força. Quão terrível seria o resultado dele usando 100% de sua força?

― As mãos do monstro foram destruídas, mas logo vai se regenerar… Prometi para você que seria rápido, então não posso desperdiçar meu tempo com essa criatura. Está na hora de exterminar esse monstro! Segure-se firme em mim!

Usando os poderosos músculos de sua perna, saltou para o alto, ficando 100 metros de altura sob o monstro. Levantou a mão que carregava a clava sanguinária, liberando uma onda opressora de destruição.

Essa criatura servirá perfeitamente de cobaia para testa uma de minhas habilidades finais, pensou secretamente. Devo utilizar a habilidade final da classe Cavaleiro estelar?

Depois de poucos segundos ele havia feito sua escolha.

― Ultimate Skill:「Conflagration of the Thousand Stars in a Thousand Worlds」!

(Magusgod: tradução: Conflagração das Mil Estrelas em Mil Mundos.)

O céu sob Freyr ondulou e mudou para um mar de estrelas brilhantes. Como se mãos invisíveis estivessem moldando o espaço, o mar de estrelas mudou para um turbilhão de destruição envolvendo a clava.

E com um simples manejo da clava em direção a cria profana, liberou o turbilhão de destruição sobre a cria profana. Assim que o golpe atingiu a criatura, explodiu como uma supernova, seguido de um clarão cegante. O turbilhão de destruição se tornou um vórtice de energia estelar, disparando um colossal pilar de luz para o céu.

A terra estremeceu. O vento uivou e a camada do tempo-espaço rachou por causa do grande poder liberado.

O pilar de luz estelar durou poucos segundos até se dissipar, revelando uma cratera com dez quilômetros de diâmetro e uma profundidade insondável. Uma colossal nuvem negra em forma de cogumelo se elevava ao céu, expelindo rochas para todos lados.

Um cenário de um armagedom.

A Demonesa olhava aterrorizada para o nível de destruição causada por Freyr. O poder de esmagar montanhas e rasgar os céus, esmagar tudo e todos, sem deixar uma única partícula de poeira para trás.

A cria profana foi obliterada sem ter a menor chance de causar um único arranhão nele.

Naquele instante uma voz arcaica e profunda falou na mente de Freyr e Silvyaluna.

 

→Deus da Guerra eliminou a「Cria Profana」! De acordo com o Trato Antigo entre Deuses&Diabos será recompensado com três Gemas Solar e o título:「Espada que expurga as Trevas」!

 

Seu corpo foi envolvido por um pilar de luz sagrada e sentiu um leve aumento em suas estatísticas de poder ao receber o novo título. No seu inventário surgiram cinco gemas cristalinas brilhando com chamas solares. Não sabia para que servia, mas naquele momento não se importava. Investigaria em outra ocasião.

 

→Silvyaluna Melankoli Demir Varriel, pela participação na luta contra a「Cria Profana」, de acordo com o Trato Antigo entre Deuses&Diabos será recompensada com uma Gema de Sangue e o título:「Vampira Ancestral do Sangue Congelado」!

 

Ela foi envolvida por um pilar de luz vermelho metálico, aumentando suas forças. Em suas mãos surgiu uma gema escura com chamas sangrentas. Ela pegou a gema e com gestos rápidos, guardou em um bolsão dimensional criado por sua magia.

― Sinto que você sabe para o que serve essas gemas… Enfim depois você pode falar mais sobre as gemas, por hora vamos retornar para meu Palácio ― asas douradas surgiram de suas costas. ― Como eu havia dito anteriormente: você é minha convidada de honra! Não se preocupe com seus homens, vou mandar um dos meus subordinados leva-los para cidade! Hoje vamos ter um banquete!

Animado, Freyr disparou como um feixe de luz dourada para Godheim, deixando para trás aquele cenário de destruição.

Mal poderiam imaginar que o pilar de luz estelar seria um farol de esperanças para os desesperados. E também um farol que atrairia a ganância de todos tipos de pessoas em busca de fortuna e poder.

O destino de um mundo estava mudando lentamente.

Anúncios

3 comentários em “Nefoedd (Reescrito): Capítulo 15

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s